• Pedagogia Waldorf


A educação Waldorf não

é um sistema, mas uma arte: a arte de despertar o que realmente está dentro do ser humano.

Rudolf Steiner

Rudolf Steiner

Rudolf Steiner nasceu em 27 de fevereiro de 1861, em DonjiKraljevec, na região chamada Medjimurje, Croácia, entre a Hungria e a Eslovênia, filho de um funcionário da estrada de ferro. Completou seus estudos básicos em Wiener-Neustadt (perto de Viena) e fez graduação na Escola Politécnica de Viena, onde estudou profundamente a obra de Goethe, aquele que seria a inspiração para sua visão de homem e de mundo. Por seu desempenho acadêmico, a partir de 1883 tornou-se responsável pela edição dos escritos científicos de Goethe e publicou diversos trabalhos sobre o mesmo.

Durante seus estudos,e desde bem jovem, sempre se dedicou a dar aulas particulares e de 1884 a 1890 tornou-se professor dos 4 filhos de uma família de Viena, dando especial atenção um deles que era hidrocéfalo, e que mal sabia ler. Conseguiu ajudá-lo a ponto de ele terminar seus estudos, ingressar e formar-se médico, tendo morrido na 1a. Guerra Mundial.

Convidado a trabalhar no Arquivo Goethe-Schiller em Weimar (Alemanha), Steiner transferiu-se para essa cidade em 1890, onde residiu até 1897. Em 1894 publica sua obra fundamental “A filosofia da liberdade”. Após alguns anos em Berlim como redator literário, passou a dedicar-se a uma intensa atividade de conferencista e escritor, no intuito de expor e divulgar os resultados de suas pesquisas científico-espirituais, de início no âmbito da Sociedade Teosófica e mais tarde da Sociedade Antroposófica, por ele fundada.
No outono de 1919, funda a Escola Livre Waldorf (Freie Waldorfschule) em Stuttgart, para atender aos operários da fábrica de cigarros e seus filhos. Esta foi dirigida por ele até sua morte e existe até hoje.

Morreu em 1925, em Dornach, na Suíça, deixando extraordinárias contribuições em muitas áreas da atividade humana: arte, pedagogia, ciências, vida social, medicina, farmacêutica, terapias, agricultura, arquitetura, teologia.

Pedagogia Waldorf

Embasada na concepção de ser humano e de mundo desenvolvida pelo filósofo austríaco Rudolf Steiner (1861-1925), a Pedagogia Waldorf tem como objetivo o cultivo das potencialidades individuais.

Foi apontada pela UNESCO como sendo o modelo de pedagogia capaz de responder aos desafios educacionais de nosso tempo, principalmente nas áreas de grandes diferenças culturais. Além disso, atende plenamente ao objetivo do Departamento de Políticas de Educação Infantil e Ensino do Ministério da Educação ao tratar a gestão democrática da escola, os materiais didático-pedagógicos e a formação do professor como fatores determinantes para a qualidade social da educação.
Atualmente existem Escolas Waldorf espalhadas por todos os continentes, formando a rede educacional independente que mais cresce no mundo. A Federação das Escolas Waldorf no Brasil, fundada em 1998, é a entidade responsável pela congregação das escolas Waldorf espalhadas pelo país, tendo como um de seus objetivos, consolidar a Pedagogia Waldorf na sociedade brasileira.